Guarulhosweb
   

Novo Honda Civic G10 antecipa o futuro

Ernesto Zanon    12/12/2016 08:53

 

O Civic chega a “Geração 10”, como foi batizado, com a missão de ser um novo carro. O modelo da Honda, que tinha surpreendido o mercado brasieiro com o design no New Civic, lançado no país em 2006, em sua oitava repaginação, chegou até a dar um passo atrás em 2012, com seu número 9, devido ao visual mais conservador. Apesar da eficiência e ótimo espaço interno, não caiu muito no gosto do público. Tanto que a chegada do irmão menor muito mais atualizado, o City repaginado, deu uma quebrada em um dos maiores ícones da marca japonesa.
 
Mas a Honda prova mais uma vez que evolução faz parte de sua filosofia. E a Geração 10 do Novo Civic é a prova inconteste desta tese. O modelo, avaliado pelo GuarulhosWeb na versão EXL com câmbio automático e motor 2.0, reúne espaço interno, eficiência, desempenho e, o melhor, um dos designs mais atraentes apresentados nos útlimos anos por aqui. É um carro lindo, acima de qualquer suspeita.
 
Ele é sofisticado, espaçoso, seguro e tecnológico, com eficiência e desempenho. O EXL vem completo de série. Você pensou, o carro oferece. De cara, o Civic remete para aqueles modelos futuristas, que a gente imaginava que um dia se tornariam realidade. Com perfil de coupe, esbanja em beleza, sem prejudicar o espaço interno, inclusive para quem vai atrás e pode até ter a impressão que o teto é baixo. Não é.
 
O Novo Civic é mais baixo e largo, com um pequeno balanço frontal e um conjunto de rodas e pneus mais largos que criam uma combinação mais esportiva das rodas com a carroceria. Os traços marcantes são complementados e acentuados por detalhes de design como os vincos elegantes que percorrem a carroceria, a dianteira angulosa e agressiva e os arcos de rodas destacados.
 
O desenho de capô elevado define as linhas de caráter da nova dianteira que segue a identidade visual que destaca o emblema Honda no centro da moldura cromada, em forma de asa e margeado pelos novos faróis. As colunas de para-brisa ultrafinas dão ao interior um ar arejado e excelente visibilidade, unindo-se à linha do teto e formando um arco suave que segue pela coluna C e termina nas lanternas traseiras em formato de bumerangue, iluminadas por LED.
 
 
 
Interior esbanja em modernidade e sofisticação
 
 
Por dentro, a impressão é das melhores. Reúne modernidade e sofisticação com o objetivo de proporcionar conforto, aliado ao uso de tecnologias e materiais de alto padrão. Conta com materiais de alta qualidade, macios ao toque no painel de instrumentos, laterais de porta, forro de teto e no largo console central.
 
O Novo Civic EXL tem  um perfil mais elegante e focado no conforto e na tecnologia, para atrair os consumidores atuais do modelo. Vem com o mesmo motor 2.0 FlexOne, já oferecido na versão passada e câmbio automático CVT com aletas para trocas manuais atrás do volante.
 
No pacote de equipamentos constam ar-condicionado digital, freio de estacionamento eletrônico com função Brake-Hold, controle de cruzeiro, botão ECON de modo de condução econômico, vidros elétricos com função “um toque” para subida/descida em todas as posições, sistema de som com quatro alto-falantes, conexões bluetooth e USB e comandos no volante, câmera para manobras em ré, entre muitos outros.
 
Conta ainda com airbags frontais, laterais e de cortina, controle de tração e estabilidade VSA (Vehicle Stability Assist), sistema de partida em aclive (HSA), sistema de vetorização de torque baseado em frenagem Agile Handling Assist (AHA), luz de frenagem de emergência (pisca de forma intermitente em frenagens emergenciais), além de freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem (EBD), luzes de rodagem diurna (DRL) e lanternas traseiras em LED, faróis de neblina, sistema ISOFIX para fixação de cadeirinhas e aviso de esquecimento dos cintos dianteiros.
 
 
 
Eficiência do 2.0 i-VTec FlexOne permanece
 
Na versão EXL, permanece a motorização 2.0 i-VTEC FlexOne, que oferece 155 cavalos a 6.300 rpm e 19.5 kgfma 4.800 rpm no etanol. A transmissão traz a opção de sete marchas simuladas que podem ser trocadas por borboletas atrás do volante. O modelo garante um desempenho delicioso, tanto na cidade como na estrada. Acelera com suavidade, mas tem força suficiente para arrancadas mais fortes quando necessário. O câmbio se apresenta macio, sem qualquer tipo de solavanco ou desconforto, aliás, uma característica do CVT.
 
 
 
EXL, uma versão completa
 
- rodas de 17 polegadas com acabamento diamantado
 
- grade frontal cromada,
 
- retrovisores rebatíveis eletricamente com repetidores laterais integrados em LED
 
- faróis com acendimento automático
 
- bancos revestidos em couro com costuras
 
- velocímetro digital e áudio com tela de 5 polegadas
 
- ar-condicionado automático de duas zonas
 
- multimídia com tela de sete polegadas touchscreen
 
- navegador e interface para smartphone
 
- entrada HDMI, duas portas USB, dois tweeters dianteiros e dois traseiros.
 
- painel de instrumentos com tela de TFT de alta definição
 
 
 
Preços da família Civic:
 
Sport Manual: R$ 87.900
 
Sport CVT: R$ 94.900
 
EX CVT: R$ 98.400
 
EXL CVT: R$ 105.900*
 
Touring (motor 1.5 turbo): R$ 124.900
 
*versão avaliada

 

 

Insira seu comentário

Todos os comentários e opiniões expressas são de inteira responsabilidade dos autores.

Comentários:

  1. Sandra José 16/12/2016 16:06

    Natal

    Papai noel, eu que um.

Insira um comentário