Guarulhosweb
   

Acusado de matar esposa a facadas na Ponte Grande é preso no Parque São Miguel

Katia Russões - Do GuarulhosWeb    05/04/2017 17:03

 

Um homem, acusado por matar sua esposa no último dia 8 de março, no estacionamento de um condomínio na Ponte Grande, foi preso na manhã de terça-feira (4) no bairro Parque São Miguel. Dilton Ribeiro Silva foi detido após denúncia anônima encaminhada para a Polícia Militar.
 
Segundo o GuarulhosWeb apurou, Dilton era procurado pela polícia pela crime de feminicídio e foi encontrado por uma equipe da PM pela rua João de Faria, em um veículo Peugeot/Hoggar.
 
Durante a abordagem ele teria confessado ter esfaqueado a esposa, sem que a vítima pudesse se defender. Dentro do veículo foram encontrados R$ 3 mil e um celular, que foram apreendidos pela polícia. O caso foi registrado pelo 4°DP.
 
Levantamento realizado pela reportagem aponta que 35 homicídios dolosos foram registrados na cidade entre janeiro e fevereiro deste ano.
 
Entenda o caso
A vítima foi encontrada por populares na madrugada do dia 9 de março, no estacionamento do condomínio Máximo, na Ponte Grande, após ter sido agredida no final da noite do dia 8 por seu marido a facadas. A briga teria começado no interior do apartamento. A esposa fugiu para o estacionamento onde foi alcançada e atacada a facas, segundo os vizinhos contaram. Ela chegou a ser encaminhada para o Hospital Geral de Guarulhos, onde não resistiu e morreu.

Segundo testemunhas, o autor do crime seria o marido da vítima que, após as agressões, teria fugido do local. Um dos filhos do casal, de 13 anos, contou para a polícia que o pai já havia agredido a mãe outras vezes.

No local do crime, a polícia apreendeu a arma que teria sido usada no crime, além dos documentos de identificação do acusado.

Os três filhos do casal foram encaminhados para casa de parentes.
 
 

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário