Guarulhosweb
   

Guti pegou a Prefeitura com R$ 7,4 bilhões em dívidas

Redação Guarulhosweb    11/04/2017 16:00

 

Durante coletiva de imprensa sobre os 100 dias à frente da Prefeitura de Guarulhos, nesta terça-feira, Guti revelou que a dívida do município  chega a R$ 7,4 bilhões. O prefeito destacou as experiências de sucessos e inovações de sua gestão, além de falar sobre os desafios que vem enfrentando e apresentou sua meta para o primeiro ano de gestão. 
 
O prefeito afirmou que seus secretários trabalham dia e noite sem descanso para solucionar os problemas herdados da antiga gestão e buscar soluções que possam ajudar na contenção de gastos sem esquecer do avanço da prometido durante sua campanha.
 
A apresentação durou cerca de uma hora e abordou diversas áreas. O raio X da cidade apontou que a dívida no início da gestão, que seria de R$4,5 bilhões, chega a R$ 7,4 bilhões. Entre os débitos estão R$ 2,9 bilhões que o Saae deve para a Sabesp, R$ 1,4 milhão para a Previdência e INSS e R$ 1,3 bi de acúmulos de dividas de anos anteriores.
 
A perspectiva da atual gestão com base em análises financeiras tem como base que este ano o orçamento seja de R$3,5 bilhões, o equivalente a dois anos de dívidas.
 
O plano de governo com se baseia nos valores apresentados e continua sendo equivalente ao que foi abordado nos primeiros dias de governo, sendo assim, as secretarias continuam a cortar custo e renegociar contratos.
 
Segundo Guti, a cidade já conseguiu poupar cerca de R$ 170 milhões nos primeiros 100 dias e deve chegar a R$ 200 milhões até o fim do ano. “Isso não significa que este dinheiro que poupamos conseguiremos investir, estamos poupando para equilibrar as contas, porque nossa divida pode até aumentar”, explicou o prefeito.
 
O prefeito falou ainda da situação caótica da saúde do município que passa por um dos momentos mais criticos com falta de insumos, medicamentos e super lotação de suas unidades. Segundo informou. até o início do segundo semestre haverá uma mudança drástica na pasta, que poderá ser sentida pelo munícipe até o fim do ano, porém não adiantou informações já que o projeto está sendo estudado antes de ser implantado.
 
Meta para o primeiro ano
 
Ao fim da apresentação Guti apresentou sua meta de governo para o primeiro ano no comando da prefeitura:
 
- Ampliar para 8% a rede de tratamento de esgoto
 
- Disponibilizar 30 leitos a mais no Hospital Stella Maris
 
- Transformação do P.A. Paraíso em UPA
 
- Viabilizar a AME Mais para Guarulhos
 
- Abertura da UPA Cumbica e UPA Paulista
 
- Criação do CEMEG Cumbica
 
- Zerar o déficit de vagas nas creches
 
- Revisar a lei de micro e pequenas empresas
 
- Implantar a escola 360 em 70% da rede
 
- Nova lei de incentivo fiscal
 
- Revisão do plano de zoneamento
 
- Integração dos centros de inteligência das polícias
 
- Inicio das instalações do centro de manutenção da American Airlines
 
- Contratação de 120 arte educadores
 
- Entrega da 80% do Trevo de Bonsucesso
 
- Viabilização do programa Moradias Transitórias
 
- Projeto de lei Adote uma Quadra

 

 

Insira seu comentário

Todos os comentários e opiniões expressas são de inteira responsabilidade dos autores.

Comentários:

  1. Patrícia 13/04/2017 10:41

    Mais do mesmo?

    Como é que uma prefeitura com uma dívida dessas, mas o pagamento de 1900 comissionados pendente desde janeiro deste ano pode contratar 1200 comissionados? Se tem que chamar alguém que chamem os AGP, AGE e AA D que passaram em concurso pra trabalhar, eles pagaram taxa de concurso e ganham muito menos

  2. Oscar 12/04/2017 00:42

    Se a prefeitura tem essa dívida toda então é bom contratar mais 1200 amigos se baseando apenas no argumento de que o anterior tinha 1900 amigos?

  3. elisa beth 11/04/2017 16:49

    REITERO-O-QUE-DISSE-ANTES

    O-GUTTI-COMPUNHA-A-EQUIPE-DO-GOVERNO-ANTERIOR-E-SUA-MISSÃO-ERA-EXATAMENTE-A-DE-NÃO-DEIXAR-QUE-ESTE-DÉBITO-ACONTECESSE;-ELE-E-OS-OUTROS-32/33-VAGABAS-DA-CAVERNA-DO-ALI-BABÁ-ALMEIDA.

Insira um comentário