Guarulhosweb
   

Guti reafirma que reajuste menor é questão de responsabilidade

Redação Guarulhosweb    22/05/2017 16:20

 

Em discurso realizado no início da tarde desta terça-feira, durante a inauguração da Cemeg Jardim Cumbica Pimentas, o prefeito Guti (PSB) voltou a afirmar que não gostaria de ser obrigado a conceder um reajuste menor que a inflação aos serviores públicos municipais. No entanto, explicou que esta decisão - difícil de tomar - se deu por questão de responsabilidade. 

O prefeito lembrou que sempre viveu entre servidores públicos, já que o pai se aposentou como policial federal após mais de 30 anos de serviços prestados, a mãe - já falecida - era professora da rede pública e sua namorada também faz parte do funcionalismo, como concursada na Câmara Municipal.  

"Não é uma decisão fácil não conseguir dar o reajuste que vocês merecem. Não é fácil. Ainda maiseu que sempre batalhei pelo servidor", lembrou já que - enquanto foi vereador - foi um dos maiores defensores da categoria e obteve grande apoio do funcionalismo em sua eleição para prefeito. "É o servidor que faz a política pública acontecer", completou. 

No entanto, o prefeito lembrou da situação caótica que herdou a administração do prefeito anterior (Sebastião Almeida, que era do PT). "Quando você senta na cadeira de prefeito e vê o tamanho do buraco financeiro percebe as dificuldades. Mesmo assim, só neste ano  conseguimos saldar um passivo de R$ 50 milhões com o próprio funcionalismo". 

Guti destacou que não é hora de querer fazer populismo. "O que adianta eu dar o reajuste que vocês merecem e chegar o setembro e não conseguir pagar o salário. Não vou ser um prefeito irresponsável", afirmou. Em seguida, lembrou que são necessários sacrifícios. "Para avançar, é preciso cortar na própria carne. E isso doi. As pessoas ficam chateadas e com razão" . Ele ratificou que "iInfelizmente neste momento não é possível consegue chegar numa proposta melhor". E completou: " Garanto que vou trabalhar muito para melhorar a situação de todos os servidores e da população". 

Prefeito, secretários municipais, diretores e comissionados não terão direito a qualquer reajuste de salário, segundo a proposta da administração aos servidores. 

O prefeito ainda lembrou que, além dos problemas financeiros que atingem o município, há também a crise nacional. "Não sabemos se acordaremos com presidente ou não. Conversei com vários prefeitos. Esta todo mundo com medo. Com esta instabilidade, os repasses federais podem parar, principalmente na área da saúde", finalizou. 

 

 

 

Insira seu comentário

Todos os comentários e opiniões expressas são de inteira responsabilidade dos autores.

Comentários:

  1. Fabiana 25/05/2017 09:24

    Opinião

    Pessoal! Sobre a questão de contratar uma gestão para gerir o hospital, concordo plenamente, pois me desculpem para quem se ofender, muito servidor público não quer progredir com a cidade, apenas quer ganhar seu salário, tem que vir gente de fora sim, para controlar e administrar a situação!

  2. Anônimo 24/05/2017 14:00

    contratando comissionados que naõ sabem nem preencher as fichas, diretores pra ganhar uma grana preta uns songos mongos , gente !!!!! realmente é dificil de acreditar que joguei meu voto na latrina, mas é o que eu vejo pois estou na linha de frente vendo esssas ""coisas"" sendo contratados.

  3. Patricia 24/05/2017 11:43

    E os comissionados?

    Como pagarão 1169 comissionados então?

  4. Soares 24/05/2017 07:10

    160 milhões de reais!

    Ok! Mas... pq então investir mais de 160 milhões de reais em uma empresa de gerenciamento (Gerir), e não investir o mesmo valor em contratação e capacitação de servidores? A Prefeitura não tem profissionais capacitados para administrar a saúde por conta própria?

  5. Anônimo 24/05/2017 07:09

    160 milhões de reais!

    Ok! Mas... pq então investir mais de 160 milhões de reais em uma empresa de gerenciamento (Gerir), e não investir o mesmo valor em contratação e capacitação de servidores? A Prefeitura não tem profissionais capacitados para administrar a saúde por conta própria?

  6. Trabalhador 23/05/2017 21:11

    Duvido responder

    1200 comissionados isso é RESPONSAVEL?

  7. Maurício 23/05/2017 18:53

    Comissinados

    Esse prefeito vive dizendo que? os comissionados não teriam aumento, todos nós sabemos que quando foi feito a reestruturação e foi criado mais de mil cargos, já foi dado aumento pra todos eles.

  8. Funcionaria cansada 23/05/2017 17:07

    Desgastante

    Estamos todos cansados de trabalhar sem funcionarios, mas n acho justo chegar uns comissionados q nem merecem estar aqui e ganhar mais do q eu e mt gente q estudamos e batalhamos pra estarmos aq! Guti, me da o salario dos comissionados q eu faço td sozinha msm! CANSADA!

  9. Anônimo 23/05/2017 11:22

    Se é necessário cortar da própria carne, não contrate comissionados a +/- 8000 reais o salario e doe seu salario, como de todos os secretários e vereadores. Isso é cortar na carne.

  10. Anônimo 22/05/2017 22:49

    6 por meia-dúzia

    Sacrifício ? mais ? Prefeito você é que devia dar esse exemplo Qual o problema de trabalhar 1 ano sem comissionados ? ajudaria nas contas e seria uma "nova politica" Prefeito você em nada difere dos seus anteriores, pratica a nova VELHA politica de maldade . O recado ta dado se o GW NÃO CENSURAR

  11. Therezinha 22/05/2017 20:21

    Hmu

    Pra quê comissionados?

Visualize todos os 11 comentários

Insira um comentário