Guarulhosweb
   

6 cuidados domésticos para evitar acidentes comuns e graves com crianças

Amanda Pinson    30/05/2017 10:37

 

De acordo com a ONG Criança Segura, cerca de 122 mil crianças são hospitalizadas por ano vítimas de acidentes domésticos

Muitos detalhes que colocam em risco a segurança das crianças passam despercebidos pelos adultos, mas não pelos pequenos, que parecem ser atraídos por eles. De acordo com a ONG Criança Segura, anualmente cerca de 122 mil crianças são hospitalizadas vítimas de acidentes domésticos. Esses números colocam pais, educadores e cuidadores em alerta sobre a importância de manter o ambiente totalmente seguro para as crianças.

Vamos a alguns dos cuidados necessários para proteção dos pequenos:

• Colocar obstáculos no topo e base das escadas e em qualquer outro ambiente que ofereça risco à criança.

• Cuidados com os fios elétricos e cabos expostos e/ou desencapados – eles podem provocar choque elétrico e até enforcamento. Por segurança, elimine-os ou coloque-os dentro de calhas apropriadas. Com isso, você também ganha na estética do ambiente.

• E por falar em choque elétrico, as tomadas devem ser protegidas para que o bebê não consiga enfiar os dedinhos nos buraquinhos

• As quinas de móveis, principalmente de mesas, são as grandes vilãs das crianças pequenas que começam a arriscar os primeiros passos. Nessa fase, as crianças ainda não controlam os passinhos, velocidade e não tem a real noção de espaço e costumam parar uma corrida entre um ponto e outro com a cabeça nas várias quinas espalhadas pela casa. Algumas empresas produzem e distribuem os protetores de quinas, mas caso não os tenha à mão, improvise com chumaços de algodão e gazes fixadas com fitas adesivas.

• Durante o soninho, as crianças também devem ser protegidas. Não é porque estão dormindo que estão quietas, aliás, muitas delas se mexem demais durante o sono. Nesse caso, o ideal é tirar de perto da cama os móveis que podem machucar em caso de queda e forrar o chão com almofadas.

• Crianças têm muita curiosidade e os potes e frascos de produtos de higiene pessoal e limpeza doméstica os atraem demais. Mantenha-os todos fora do alcance dos pequenos.

Com criança, todo cuidado é pouco. Basta uma piscada um pouco mais demorada e já as perdemos de vista, quando não, do controle. Dessa forma, é melhor não facilitar.

Amanda Pinson é jornalista e apaixonada por crianças, por esse motivo tornou-se fotógrafa de família e infantil e criou o blog Nossa Festa Infantil para compartilhar o melhor das festas infantis, programação para crianças e muitos DIY (Do It Yourself - faça você mesmo) e tutoriais em seu canal do Youtube.

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário