Guarulhosweb
   

Uno Way 1.0 3 cilindros, o compacto da Fiat acha seu espaço

Ernesto Zanon    27/07/2017 16:13

 

No momento em que a Fiat se reposiciona no mercado, com a descontinuidade na fabricação de alguns modelos de grande volume de vendas, como o Palio, que durou quase duas décadas, o velho e bom Uno ganha posição de destaque como o principal compacto da marca. Entre as novidades deste novo momento, está a versão com motorização 1.0 de três cilindros, que busca garantir maior eficiência energética e menor consumo de combustível, porém com um desempenho satisfatório principalmente para o uso urbano. 
 
O GuarulhosWeb avaliou durante uma semana uma versão Way, que não é a de entrada e oferece um bom número de equipamentos de série que deixam o Uno mais interessante. Custa a partir dos R$ 44 mil.  Ele vem com direção elétrica com função City como item de série, controle eletrônico de estabilidade (ESC), controle de tração (TC), assistência de partida em rampa (Hill Holder), sistema antideslizamento ASR , partida assistida (Tip Start), novos pneus superverdes, entre outros.
 
Por dentro, destaque para os novos grafismos para o quadro de instrumentos com display LCD de 3,5 polegadas em alta resolução, complementado por itens de conforto e conveniência como central multimídia com tela de 6,2 polegadas, câmera de ré, retrovisor elétrico com função tilt down, volante multifuncional e computador de bordo.
 
O motor 1.0 três cilindros não decepciona. Oferece potência de 72 cv e torque de 10,4 kgf.m (gasolina) e 77 cv e 10,9 kgf.m (etanol). Na cidade, tem comportamento discreto, sem sofrer para enfrentar situações adversas, como ladeiras mais inclinadas ou na hora que é preciso uma saída mais rápida. No consumo, com gasolina no tanque, consegue uma média entre 12 e 13 km/l no trânsito urbano, o que não é nada excepcional. 
 
Destaca-se também a direção com assistência elétrica, um sistema que proporciona maior conforto ao motorista. Com  a função City ativada por meio de um botão no painel, a direção fica praticamente 50% mais leve durante as manobras de estacionamento. Ou seja, um conforto a mais para o motorista. 
 
Outra vantagem do sistema de direção com assistência elétrica está no baixo consumo energético, correspondendo a aproximadamente 8% do consumo de um sistema de assistência hidráulica. Essa maior eficiência resulta também na redução de consumo de combustível.
 
O que o Uno  Way 1.0 Flex oferece a mais
-  barras longitudinais no teto, 
- detalhes internos na cor grafite, 
- faróis com máscara negra, 
- maior altura em relação ao solo, 
- molduras das caixas de roda na cor cinza, 
- frisos laterais das portas com inscrição Way, 
- lanternas traseira com acabamento fumê 
- retrovisores externos com luzes indicadoras de direção
 

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário