Guarulhosweb
   

Uma boa 1?

Erivan Monteiro    26/08/2017 22:26

 

O JORNAL espanhol "Mundo Deportivo" publicou, neste sábado, detalhes da proposta da Fifa para a criação de um novo Mundial de Clubes, que ocuparia o lugar da Copa das Confederações no calendário internacional. A competição passaria a ser disputada de quatro em quatro anos, a partir de 2021, e teria 24 times - destes, 12 da Europa e 5 da América do Sul. A informação é do Globoesporte.com.

 

UMA BOA 2?

A PUBLICAÇÃO só não diz como será a divisão das 5 vagas da América do Sul. Será a chance para mais clubes brasileiros chegarem ao Mundial de Clubes para tentar ganhar a competição. Como a proposta é para ser disputada a cada quatro anos, o ideal seria juntar os campeões da América no período e ainda sobraria uma vaga. Mas ainda é só uma proposta e teremos novidades nos próximos dias.

 

PARABÉNS ALVIVERDE!

O PALMEIRAS completa mais um ano de existência neste 26 de agosto. Um dos maiores clubes do Brasil e do mundo, o time é um dos orgulhos do nosso futebol. Multicampeão e o único clube do Brasil que representou a nossa amarelinha. Do 1 ao 11. E com técnico estrangeiro, o argentino Filpo Nuñez. É também, ao lado do São Paulo, o único clube brasileiro que cedeu jogadores para os cinco títulos mundiais da Seleção Brasileira. Vida longa ao Alviverde Imponente!

 

MELHOR IMPOSSÍVEL

O CORINTIANO ri à toa em 2017. Vê o milionário Palmeiras fracassar na temporada; o São Paulo indo para a segundona do Brasileirão, e o inconstante Santos sem força para buscar títulos. De quebra, ainda poderá levantar três canecos na tempora – o Paulista (que já ganhou), a Sul-Americana e o Brasileirão. E não estou nem contando a tradicional Copa SP!

 

SEGURA ELE!

FÁBIO CARILE, o homem que mudou a história do Corinthians neste ano tem contrato até o fim deste ano. Alçado à condição de treinador nesta temporada, a diretoria fez uma espécie de contrato de risco. Dando certo, segue... do contrário adeus. Mas, deu mais que certo e hoje é um dos principais treinadores de nosso país. Dizem que, inclusive, já foi sondado pelo futebol asiático.

 

QUAL O PROBLEMA?

MENOS DE um mês após deixar o Flamengo, o técnico Zé Ricardo assume o Vasco. Não vejo problema. Todos nós precisamos trabalhar e ele também. Qual o problema? Já vi muita gente da imprensa criticando o treinador por essa decisão. Duvido que esses jornalistas, se fossem demitidos da empresa “A” não correriam para a empresa “B” no dia seguinte. É um pouco de hipocrisia.

 

RISCO CALCULADO

ZÉ RICARDO terá um desafio, tudo bem. Comandar o Vasco na atual situação é um risco calculado. Porém, não precisará sair da cidade, manterá vivendo na mesma casa, com os filhos na mesma escola, etc; além do ótimo salário e da possibilidade de trabalhar o Vasco, um clube centenário e de tradição. E ele deve acreditar o seu potencial. Muito melhor do que assumir um clube fora do Rio de Janeiro e ter de mudar toda sua vida e rotina.

 

É SURREAL MESMO!

LEWIS HAMILTON igualou neste final de semana nada menos que Michael Schumacher no número de poles positon da Fórmula 1. Ambos agora têm 68 poles e o inglês certamente irá superá-lo. Ao conseguir o feito, ele disse: “É surreal”. É mesmo, porque não dá para comparar um com o outro. Hamilton não serve nem para lustrar o capacete do alemão.

 

NÍVEL RIDÍCULO

O ATUAL nível da F1 beira o ridículo. Tirando dois ou três bons pilotos (incluindo o próprio Lewis Hamilton), o restante só faz número. Por isso, o inglês vai seguir batendo recordes. Aliás, nem nos tempos de Michael Schumacher, a F1 tinha um grande número de grandes pilotos. Mas tinha mais do que agora. A atual Fórmula 1 perdeu totalmente o seu encanto.

 

MUITA SAUDADE!

PARA QUEM viu Ayrton Senna, Nelson Piquet, Nigel Mansell e Allan Prost (só para citar alguns) juntos, nos anos de 1980 e início dos anos de 1990, brigando a cada curva, não pode aprovar a Fórmula 1 atual. Sem saudosismo, mas há muita, muita diferença. Ao ponto de Mansell, o Leão, nunca ter levantado um título. Na F1 atual, seria sido tetra, penta, fácil, fácil...

 

FRASE DA SEMANA

“É surreal”

Lewis Hamilton, ao igualar o recorde de poles (68 vezes) na Fórmula 1 com o multicampeão Michael Schumacher.

 

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário


estadao brasil Leia Também

16/09 15:57
Olha que dá!
13/08 10:48
De camarote
29/07 20:49
Que jogo
22/07 16:41
Queda?
24/06 10:46
Mais agilidade
17/06 20:33
Impressionante