Guarulhosweb
   

Renault Kwid Intense, um compacto bom para a cidade

Ernesto Zanon    01/10/2017 12:29

 

Um dos carros mais interessantes lançados neste ano é o Renault Kwid, apresentado como primeiro SUV compacto urbano. Apesar do conceito contraditório, já que a concepção de um modelo destes sugere um veículo utilitário esportivo, que – via de regra – esbanja em espaço e propõe aventuras nos mais diferentes tipos de terreno, o pequenino Kwid oferece a aparência de um SUV sim, coloca o motorista numa posição um pouquinho acima em relação aos concorrentes diretos, os subcompactos VW Up! e Fiat Mobi. 
 
O GuarulhosWeb avaliou um Kwid Intense, o top da família, que sai por R$ 40 mil, durante uma semana. Em um primeiro momento, ele causa uma certa estranheza e passa a impressão de ser menor por dentro do que ele aparenta ser por fora. Quatro pessoas meio que se esbarram em seu interior, bem acabado, diga-se. Os controles de abertura interna das portas e dos vidros elétricos dianteiros, concentrados no console central, no meio do painel, incomodam. Demora para você se habituar. 
 
O motor 1.0 de três cilindros, em um primeiro momento, passa a ideia de uma trepidação a mais. Mas, no decorrer dos dias, quando a gente veste o carro e vai acertando o ponto da aceleração no momento certo, o desempenho só tende a melhorar e aquela primeira impressão fica para trás. Mesmo com o ar condicionado acionado, o carrinho avança bem e consegue até subir ladeiras, sem a necessidade de desliga-lo, caso você tenha um pouco mais de paciência. 
 
Numa cidade como Guarulhos, onde as imperfeições no asfalto são regra, a ideia do SUV urbano fala mais alto (literalmente). O Kwid enfrenta bem a buraqueira. Isso graças à maior altura do solo (180 mm) da categoria e os ângulos de entrada (24°) e de saída (40°). Na hora de ir ao supermercado, não precisa usar o banco de trás do carro para levar as compras para casa. O Renault conta com um porta-malas decente. São 290 litros de capacidade.
 
No consumo de combustível, o Kwid não chega a ser um Up!, que oferece marcas incríveis, mas também não decepciona. Números da Renault apontam 15,2 km/l com gasolina e 10,5 km/l quando abastecido com etanol, em trajeto misto (urbano-rodoviário), algo parecido com o uso do guarulhense, que utiliza a Dutra diariamente. Em segurança, oferece de série quatro airbags (dois frontais e dois laterais) – algo inédito no segmento de entrada –, além de diversos outros itens de segurança e reforços estruturais.
 
No design, o Kwid se apresenta como uma miniatura do Sandero, que – por sua vez – também segue a linha bem parecida com o Duster, numa demonstração de que o tal do DNA da marca está presente em toda a família. Por fora, devido ao perfil robusto, passa até a ideia de ser maior do que é, com seus 3.680 m de comprimento. As rodas de 14” de serie, os para-lamas encorpados valorizam ainda mais as suas características SUV.
 
 
A conectividade traduzida em bem-estar a bordo também não foi deixada de lado. Como opcional da versão Intense, no chamado Pack Connect, existe o Media Nav 2.0, a intuitiva central multimídia com tela touchscreen de 7 polegadas integrada ao painel que oferece GPS, ligações, Bluetooth® e câmera de ré.
 
 
O motor
O Kwid tem o motor 1.0 SCe (Smart Control Efficiency) com três cilindros, 12 válvulas, duplo comando de válvulas (DOHC) e bloco em alumínio. O modelo também estreia a transmissão manual de cinco marchas SG1, que é mais leve e eficiente. 
 
Com apenas 758 kg, o Kwid oferece a melhor relação peso/potência, para uma dirigibilidade ágil, com ótimas respostas. Com etanol no tanque, rende 70 cv de potência a 5.500 rpm e torque de 9,8 kgfm a 4.250 rpm. Com gasolina, são 66 cv a 5.500 rpm e 9,4 kgfm a 4.250 rpm.
 
Na versão Intense com o Pack Connect, existe ainda os programas Eco Scoring e Eco Coaching na central multimídia Media NAV e avalia por meio de pontuação, dando sugestões para uma forma de condução mais econômica.
 
A direção elétrica, além de facilitar as manobras, ajuda a reduzir o consumo e as emissões, já que exige menos o motor do que os sistemas hidráulicos. É item de série nas versões Zen e Intense.
 
 
 
 
 
Versão Intense + Pack Connect – R$ 39.990
Principais itens de série:
retrovisores elétricos, 
faróis de neblina cromados, 
Media NAV 2.0 com câmera de ré, 
abertura elétrica do porta-malas, 
rodas Flexwheel
chave dobrável
 
 

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário