Guarulhosweb
   

Tumulto nas galerias encerra sessão na Câmara Municipal

Redação Guarulhosweb    03/10/2017 14:20

 

A Sessão Ordinária desta terça-feira, 3 de outubro, foi encerrada após 20 minutos, por causa de um tumulto na Câmara de Guarulhos. Dezenas de pessoas lotaram o Plenário com faixas em protesto contra transferências milionárias da Prefeitura para o Instituto Gerir. Houve briga e discussão entre o público presente quando alguns manifestantes tentaram mudar as faixas de lugar. O presidente da Câmara, Eduardo Soltur (PSD), encerrou os trabalhos durante o Pequeno Expediente.
 
O vereador Alexandre Dentista (PSDC) usou a tribuna para pedir o apoio dos parlamentares na aprovação do projeto que altera o zoneamento da Área de Preservação Ambiental (APA) Cabuçu, de autoria do Executivo. “Os comerciantes não conseguem tirar suas licenças de funcionamento, por isso precisamos aprovar esse projeto para modificar o zoneamento.”
 
A vereadora Genilda Bernardes (PT) articulou a instauração de uma comissão para examinar denúncias de corrupção na Prefeitura. Para Bernardes, é obrigação dos vereadores investigar possíveis casos de superfaturamento na Secretaria de Educação, conforme notícias divulgadas pela imprensa de São Paulo.
 
Na pauta do Grande Expediente havia 78 itens para deliberação, entre Requerimentos e Projetos de Lei. Na Ordem do Dia ficou pendente a votação de três Substitutivos; e nas Sessões Extraordinárias foi adiada a votação de quatro projetos: três do Executivo e um Substitutivo da Mesa da Câmara.
 
 
 
Suplente
 
O vereador Eduardo Barreto (PCdoB) solicitou 15 dias de licença para tratar de assuntos particulares e será substituído pelo 1º suplente Danilo Gomes de Souza (PCdoB).
 
O parlamentar Acácio Portella (PP) também se licenciou por 15 dias para tratamento de saúde e nesse período será substituído pelo 1º suplente Tico Emerson (PP)
 
 
 
Extraordinárias
 
Estão na pauta do Legislativo para as Sessões Extraordinárias da próxima quinta-feira, 5 de outubro, os seguintes PLs: 4.809/2017, que dispõe sobre a abertura de crédito adicional no valor de R$ 90 milhões; 4.817/2017, que dispõe sobre a criação do Cadastro Informativo Municipal (Cadin); 4.865/2017, que disciplina as concessões e permissões de serviços, obras e bens públicos que serão realizadas no Plano Municipal de Modernização Administrativa; e Substitutivo nº 2 ao PL 4.9282017, que altera a estrutura administrativa e organizacional da Câmara.
 

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário