Guarulhosweb
WhatsApp:(11) 9 4702.3664

Cinco brasileiros são presos com mais de 14 kg de cocaína no Aeroporto

Redação Guarulhosweb    22/01/2018 11:51

 

A Polícia Federal prendeu, em ações distintas realizadas no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, entre os dias 19 e 21, seis passageiros de voos internacionais com drogas em suas bagagens, sendo cinco brasileiros e uma cazaquistanesa.          
 
No total foi apreendido um volume superior a catorze quilos de cocaína em pó e outros dezessete quilos de roupas engomadas com a mesma substância.
 
Uma mulher, nacional do Cazaquistão, foi abordada, na noite de sexta-feira (19), pelos policiais federais para entrevista. Os policiais desconfiaram das respostas dadas pela passageira e revistaram suas bagagens, momento em que foi localizado um volume superior a dezessete quilos de roupas engomadas com cocaína. A mulher, de 32 anos de idade, pretendia levar a droga para Addis Ababa, na Etiópia.
 
No sábado (20) foram presos um homem, de 24 anos de idade, e uma mulher, de 28 anos. Com o passageiro, que iria embarcar com destino às Ilhas Maurício, país da África Oriental, policiais federais encontraram dentro de sua mala uma mochila com fundo falso, ocultando quase quatro quilos de cocaína. Já a passageira, detida ao tentar passar pelo controle migratório, levava cerca de 3 quilos de cocaína na estrutura de sua mala. Ela iria embarcar para a França.
 
No domingo ocorreram outras três prisões. No porão de bagagens, policiais federais identificaram a existência de cocaína oculta nas estruturas da mala de um passageiro. O homem foi localizado e conduzido à delegacia para acompanhar a realização dos exames periciais em seus pertences. Os peritos encontraram dois quilos de cocaína ocultos na estrutura de sua mala. O homem, de 26 anos de idade, pretendia levar a droga para Barcelona, na Espanha.
 
Duas mulheres que embarcariam juntas, uma com 22 e outra com 24 anos de idade, foram entrevistadas pelos policiais federais. Por não serem convincentes com as respostas aos questionamentos dos policiais, elas tiveram as bagagens submetidas ao aparelho de raio-x, momento em que ficou evidenciada a existência de material orgânico nas estruturas das malas de ambas. Na delegacia, após a realização dos exames periciais preliminares, foram encontrados cerca de três quilos de drogas na mala de cada uma das mulheres. O destino da droga era Madri, na Espanha.
 
Os presos serão encaminhados aos presídios estaduais onde permanecerão à disposição da Justiça, respondendo pelo crime de tráfico internacional de drogas.
 
copyright guarulhosweb

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário