Guarulhosweb
   

33 vereadores assinam requerimento para investigar Zeitune por suposta extorsão

Paulo Manso    22/02/2018 17:31

 

Das 13 assinaturas necessárias para a abertura de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) contra Alexandre Zeitune, vice-prefeito e ex-secretário municipal de Educação, Cultura, Esportes e Lazer, foram recolhidas 33, segundo apurou o GuarulhosWeb neste momento no plenário da Casa. O pedido foi feito na tarde desta quinta-feira, 22, pelo vereador Marcelo Seminaldo (PT) que recebeu documentos e áudios em que Zeitune (Rede) estaria pedindo dinheiro para um empresário, inclusive para ser usado na campanha presidencial de Marina Silva. 

Apenas o vereador do PT, Romulo Ornelas, que não estava presente na sessão devido ao falecimento de seu pai, não assinou o requerimento. 

Ouvida pelo GuarulhosWeb, a assessoria de Zeitune não negou as denúncias. Segundo o vice-prefeito, ele está satisfeito com a abertura da CEI, já que poderá se defender e realizar denúncias que ele teria contra a adminsitração, sem que a Câmara se furte a investigar. 

Segundo Seminaldo afirmou, ele recebeu um texto e um pendrive com áudios, atribuidos ao vice-prefeito Alexandre Zeitune (Rede), em que ele estaria pedindo dinheiro a um empresário para ser utilizado nas campanhas eleitorais dele próprio - ao governo estadual - e da presidenciável Marina Silva. 

Ainda segundo a assessoria do vice-prefeito, Zeitune registou um Boletim de Ocorrência contra o prefeito no último dia 21 por ameça. Guti disse que teve informações sobre a possível elaboração de um BO apenas pela imprensa. E que não teve acesso a seu teor e, por isso, não teria como comentar sobre este assunto.
 
Até setembro do ano passado, Zeitune era o titular da Secretaria de Educação, Cultura, Esportes e Lazer de Guarulhos, quando foi exonerado por Guti (PSB). Na ocasião, o prefeito informou que havia divergências políticas entre os dois e que não era mais possível ele seguir no governo municipal. 

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário