Guarulhosweb
WhatsApp:(11) 9 4702.3664

Honda City EXL se torna mais atraente e interessante com repaginada no design

Ernesto Zanon    24/04/2018 12:07

 

Na disputa pelo mercado dos sedãs compactos (mas nem tanto), os fabricantes oferecem uma série de vantagens aos consumidores, que passam por motores mais potentes, maior espaço interno, além de renovações tecnológicas e visuais. Não faltam concorrentes, o que – muitas vezes – deixa os interessados em parafuso na hora de escolher. Nestes momentos, vale refletir e escolher o que mais lhe agrada e cabe no bolso, levando em consideração alguns quesitos até abstratos, como o grau de confiabilidade naquela marca. Muitos até aceitam pagar mais para não ter dores de cabeças futuras. 
 
Ofertas não faltam, ainda mais com as recentes chegadas do VW Virtus e do Fiat Cronos, que se somam aos Chevrolet Cobalt e Prisma, ao Hyundai HB20 S e ao Honda City, que na linha 2018 recebeu algumas modificações no design. E foi a versão top de linha da família, o EXL, comercializado na faixa dos R$ 82 mil, que o GuarulhosWeb experimentou ao longo de uma semana. 
 
Equipado com o motor 1.5 i-VTEC FlexOne, o EXL traz a transmissão CVT, o que garante uma direção suave e tranquila nas mais diferentes condições, característica marcante do modelos Honda. Com etanol, combustível utilizado durante toda a avaliação, o motor gera 116 cv de potência a 6.000 rpm e 15,3 kgf.m de torque a 4.800 rpm. A transmissão CVT com conversor de torque, melhora a força de tração em baixas velocidades, proporcionando uma resposta mais rápida, aceleração linear e economia de combustível. 
 
Não é demais afirmar que Honda é sinônimo de conforto interno. Desta forma, o City se apresenta com um interior refinado, com materiais de qualidade e detalhes de acabamento como o painel de desenho sofisticado, com molduras contrastantes, equipamentos de categoria superior, como ar-condicionado digital full touchscreen e muito espaço interno, além de amplo porta-malas, de 536 litros de capacidade. 
 
 
Em todas as versões, o City tem sistema de som com Bluetooth e entrada USB; direção elétrica EPS; acionamento elétrico para travas das portas e vidros das quatro portas; volante com ajuste de altura e profundidade e chave do tipo canivete com sistema de travamento e destravamento das portas com imobilizador, dentre outros vários equipamentos.
 
A versão EXL traz uma nova central multimídia de sete polegadas que oferece navegador integrado e conectividade com o sistema Apple CarPlay e Android Auto. De fácil operação, apresenta manuseio semelhante ao de um tablet, permitindo a operação intuitiva de mapas do sistema de navegação nativo, ou do Waze (por meio do Android Auto). Uma mão na roda no trânsito urbano, frise-se.
 
Além de permitir a reprodução de música via Bluetooth, por dispositivos portáteis, ou de serviços de streaming (via conexões Bluetooth, Android Auto ou Apple CarPlay), essa central permite comandos por voz, ativável por meio de um botão no volante. Esse conjunto de áudio traz visualização da câmera de ré em três ângulos (regular, wide e top down) e indicação de distância por cores. 
 
Complementando a versão EXL, a linha 2018 recebeu retrovisores elétricos com rebatimento automático, tanto por meio de um botão interno, como pela chave. O City EXL traz ainda bancos revestidos em couro, descansa braço central revestido e seis airbags - frontais, laterais e do tipo cortina. 
 
 
 
Visual mais sofisticado
A Honda promoveu mudanças no design da segunda geração do modelo. O sedã recebeu novos para-choques, na dianteira e traseira, que trazem linhas mais horizontais e esportivas e que tornam o visual mais largo. Há ainda nova grade frontal, que avança sobre os faróis, trazendo o logotipo da Honda destacado e ampliado ao centro. Ficou mais parecido com os irmãos que já haviam recebido essa repaginada. Os faróis também são novos e trazem luzes de rodagem diurnas em LED integradas de série, em todas as versões do City. 
 
O EXL conta com um conjunto exclusivo com luzes em LED tanto para o farol baixo como para o alto, ampliando a sofisticação e a segurança de rodagem em ambientes de baixa iluminação. 
 
Na traseira, o novo para-choque reforça o desenho mais horizontal proposto para a linha 2018, com novas lanternas com guias em LED, de desenho inédito, nas versões LX, EX e EXL. Nestas versões, o City recebe uma nova roda de liga leve de 16 polegadas com desenho exclusivo. 
 
 
 
copyright guarulhosweb

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário