Guarulhosweb
WhatsApp:(11) 9 4702.3664

Defesa Civil investe em prevenção e formação para evitar tragédias em áreas de risco

Foto: Nicollas Ornelas/PMG    08/06/2018 13:27

 

O intenso trabalho de prevenção em áreas de risco, mesmo com todas as dificuldades enfrentadas pelos poucos recursos que contavam no início da atual administração, foi o destaque da audiência pública sobre a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) realizada nesta quarta-feira (6), na Câmara Municipal, pelo coronel Waldir Pires, responsável pela Coordenadoria da Defesa Civil de Guarulhos (Comdec).
 
Em sua exposição, Pires informou que a Defesa Civil atendeu no ano passado um total de 838 chamadas pelo telefone 199; 1.360 solicitações na recepção do órgão; 84 ocorrências sociais e humanitárias, e realizou 330 vistorias em áreas de riscos. "Quando não temos uma ocorrência, estamos trabalhando na prevenção. Se fizermos atividades e treinamentos, instalações de equipamentos nas comunidades, entre outros, vamos evitar ocorrências de mortes e ferimentos. Esse é o nosso objetivo", explicou o coordenador.
 
O coronel ressaltou extremo esforço desempenhado por toda a equipe de colaboradores na prevenção aos riscos iminentes de desastres naturais. Explicou das dificuldades no início de 2017, quando havia apenas três aparelhos pluviométricos para a medição dos índices de chuva e controle dos pontos de atenção. Hoje, a Comdec possui doze equipamentos distribuídos por diferentes bairros.
 
Outras ações e demandas
Diante do dever de priorizar a vida, Pires deu ênfase aos cursos de capacitação de agentes realizados pela Defesa Civil, os quais visam a atualização dos conhecimentos e preparação para diversas emergências. Além disso, falou sobre a importância do bom relacionamento entre os demais órgãos da Prefeitura para a garantia de atendimentos completos às comunidades de risco. "Isso tudo é graças ao bom relacionamento que nós temos entre os secretários, quando pedimos ajuda, imediatamente somos atendidos. Isso sem falar da colaboração da população que é fundamental nesse trabalho. Nós temos todo o apoio da comunidade", enfatizou o coronel.
 
Os próximos passos da Coordenadoria, segundo Waldir pires, são os de elaboração de programas educacionais junto à Rede Municipal de Ensino; a aquisição de aparelhos para topografia e dimensionamento preciso das regiões de risco; a promoção de melhorias estruturais para o serviço dos colaboradores, e adequação de estrutura, frota e equipamentos para o melhor funcionamento das operações.
 
copyright guarulhosweb

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário