Guarulhosweb
WhatsApp:(11) 9 4702.3664

Governo Guti gasta R$ 24 milhões a menos que Almeida com lixo

Paulo Manso    09/08/2018 17:15

 

A partir deste mês de agosto, a Prefeitura de Guarulhos está gastando com o lixo urbano cerca de R$ 7,2 milhões por mês, entre os serviços de coleta e destinação no aterro sanitário, segundo números apresentados nesta quinta-feira, 9/08, pelo secretário de Serviços Públicos, Edmilson Americano, ao GuarulhosWeb. No último ano da administração do ex-prefeito petista Sebastião Almeida (hoje no PDT), o município gastava R$ 9,2 milhões por mês com os mesmos serviços. “A economia gerada ao final de um ano deve chegar a R$ 24 milhões, que antes iam literalmente para o lixo”, disse Americano.
 
Já sob a administração do prefeito Guti, em 2017, a Prefeitura fez o primeiro contrato emergencial para a gestão do aterro sanitário, ainda mantendo a coleta com a Quitaúna, que tinha ainda contrato assinado com a Prefeitura. No ano passado, com a contratação da Enob para operar o aterro sanitário, o valor gasto com lixo por mês caiu de R$ 9,2 milhões em média para R$ 8,9 milhões, ou seja, R$ 106,8 milhões por ano, gerando economia de quase R$ 4 milhões aos cofres públicos.
 
Em 2018, com o fim do contrato com a Quitaúna e a contratação da Trail para a coleta e da ProActiva para a gestão do aterro, os valores gastos caíram ainda mais. A partir deste agosto, com um novo contrato para a gestão do aterro o valor mensal caiu para R$ 7,2 milhões ao mês. “Isto significa que o governo Guti está gastando R$ 2 milhões a menos que o prefeito anterior por mês com o lixo urbano”, explicou o secretário. “Ao final de um período de 12 meses, a prefeitura gastará R$ 85,4 milhões com o lixo. Ou seja, são R$ 24 milhões a menos. Isto é resultado da responsabilidade que a atual administração tem com o dinheiro da população”, completou.
 
Americano garante que os próximos contratos, tanto como o de coleta de lixo urbano como o de destinação no aterro sanitário, serão efetuados com empresas vencedoras de licitações públicas, que já estão em curso e serão concluídas antes do prazo final dos contratos vigentes.
 
copyright guarulhosweb

 

 

Insira seu comentário

Todos os comentários e opiniões expressas são de inteira responsabilidade dos autores.

Comentários:

  1. jose correia 10/08/2018 15:32

    lixo se acumula

    O que adianta economizar e não fazer nada pela cidade? Guarulhos está abandonada, pelo menoas aqui na periferia...

  2. Marcinha Taxista 09/08/2018 22:12

    Marcinha Taxista

    Parabéns Americano!!! Vc tem uma competência ímpar!

Insira um comentário