Guarulhosweb
WhatsApp:(11) 9 4702.3664

CR-V, o SUV grandão da Honda, ganha motor turbo e avança

Ernesto Zanon - Especial para o GuarulhosWeb    13/11/2018 16:41

 

O Honda CR-V mudou e para muito melhor. Com visual completamente renovado e motor 1.5 turbo, o SUV grande da marca japonesa deu um salto para encarar a concorrência, cada vez mais acirrada, e se saiu muito bem. Avaliado pelo GuarulhosWeb durante uma semana, o novo CR-V deixou para trás velhos preconceitos (como na maioria das vezes, infundados) sobre seu desempenho, demonstrando diversas qualidades, tanto tecnológicas como em conforto, espaço e segurança. 
 
A única versão comercializada no Brasil, por pouco mais de R$ 180 mil, é a Touring, importada dos Estados Unidos, recheada de equipamentos de série, diversos ausentes das versões anteriores e de concorrentes diretos. São itens que ajudam a performance e dão muito prazer para dirigir, além de conforto e espaço para motorista e demais ocupantes. 
 
Durante a avaliação, o motor 1.5 turbo, que gera potência máxima de 190 cv e 5.600 rpm, além de torque máximo de 24,7 kgf.m, entre 2.000 e 5.000 rpm, teve desempenho prá la de satisfatório. Com equilíbrio e agilidade, aliado à transmissão CVT, responde suave às pisadas no acelerador numa tocada discreta. Quando necessário uma pegada mais forte, ele fala alto, sempre à mão, sem decepcionar. Apesar de “grandalhão”, não sofre e ainda apresenta baixo consumo de combustível levando em consideração o porte do carro. 
 
O CR-V conta também com sistema de tração nas quatro rodas Real Time AWD, que melhor desempenho em condições de baixa aderência, quando a tração integral entra em ação. O sistema oferece um equilíbrio otimizado entre capacidade, utilização amigável e conjunto leve e eficiente em consumo. O motorista pode simplesmente pisar no acelerador e deixar que a tração maximize o uso da aderência e capacidade de subida disponíveis. A operação é completamente automática.
 
 
Bem mais bonito
 
No design, o CR-V parece até outro carro. Um detalhe marcante está na traseira, onde as sempre verticais lanternas traseiras agora são horizontais, garantindo uma aparência mais agradável. Na dianteira, a cara da Honda, com elementos mais salientes e afilados, faróis estilizados cercados por um conjunto de luzes de rodagem diurna em LED em forma de asa e para-lamas largos e musculosos. 
 
O longo capô, maior distância entre eixos, curto balanço traseiro e as novas saídas duplas do escapamento, além de rodas de alumínio de 18 polegadas, garantem um jeitão mais esportivo e menos “tiozão”. Um plus que dá maior praticidade ao modelo é a oferta do sistema Hands Free Access Power Tailgate (porta traseira acessível sem uso das mãos), que permite abrir e fechar o porta-malas com um simples movimento do pé para ativar um sensor sob a traseira do veículo. 
 
Por dentro, sofisticação a perder de vista. O refinamento surge nos materiais de alta qualidade, incluindo um novo painel de instrumentos de toque macio e bancos com costuras bem marcadas. No centro do painel, nova tela de interface touch colorida. Informações fundamentais de condução, como velocidade, rotação e marcha adotada, bem como alertas, podem ser visualizados no inédito Head Up Display, que projeta informações coloridas em um elegante visor transparente que se eleva no momento da partida, ajustável de acordo com a altura do condutor, evitando distrações na condução.
 
O CR-V oferece o Display Audio compatível com as plataformas Apple CarPlay e Android Auto, proporcionando aos clientes integração contínua dos principais itens e funções dos telefones, incluindo a navegação por GPS através dos smartphones e capacidade de consultas através da voz. O sistema conta ainda com GPS nativo, com busca de pontos de interesse e fácil operação.
 
A porta traseira automática pode ser operada através do controle remoto da chave, por um botão na porta do motorista, um botão acima da placa traseira (para abrir) ou um botão localizado dentro do porta-malas (para fechar). O sistema de acesso sem uso das mãos facilita operar a abertura do porta-malas. Basta simular um chute sob um dos dois sensores de movimento no centro da traseira do veículo para que a tampa do porta-malas abra automaticamente. 
 
 
Itens de série:
-  partida elétrica remota do motor, 
- ar-condicionado digital com duas zonas, com saídas de ar traseiras, 
- freio de estacionamento elétrico (Electric Parking Brake - EPB), com sistema Brake Hold, 
- tomadas USB para recarga na traseira, 
- banco do passageiro com regulagem elétrica de 4 funções 
- banco do motorista com 8 ajustes elétricos e memória, 
- teto solar elétrico. 
- sistema Walk Away Auto Lock, que se tranca automaticamente quando o motorista deixa o veículo.
- Partida Remota do Motor. 
 
copyright guarulhosweb

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário