Guarulhosweb
WhatsApp:(11) 9 4702.3664

Eliud Kipchoge e Caterine Ibargüen são eleitos atletas do ano pela IAAF

Redação Guarulhosweb    04/12/2018 19:23

 


A Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF, na sigla em inglês) premiou nesta terça-feira o queniano Eliud Kipchoge e a colombiana Caterine Ibargüen como atletas do ano na Festa de Gala da entidade, realizada em Montecarlo.

Nesta temporada, Kipchoge venceu a Maratona de Berlim, no dia 16 de setembro, e bateu o recorde mundial da distância ao cravar o tempo de 2h01min39. Dominante nas maratonas, ele soma dez vitórias em 11 provas disputadas na sua carreira, o que inclui o ouro olímpico conquistado nos Jogos do Rio, em 2016. Antes de Kipchoge, o último queniano a receber essa premiação havia sido David Rudisha, há oito anos.

Kipchoge superou o norte-americano Christian Coleman, que foi campeão mundial e quebrou o recorde dos 60m nesta temporada; o sueco Armand Duplantis, campeão mundial sub-20 e europeu no salto com vara; o francês Kevin Mayer, campeão mundial indoor e recordista mundial do decatlo; e o catariano Abderrahman Samba, grande nome dos 400m com barreira na atualidade e campeão asiático na prova e no revezamento 4x400 metros.

Ibargüen brilhou nesta temporada ao ser campeã das provas do salto em distância e do salto triplo da Diamond League, o maior circuito mundial do atletismo. A colombiana tem no currículo duas medalhas olímpicas - ouro no Rio, em 2016, e prata em Londres, em 2012 -, ambas no salto triplo. São ainda mais quatro em Mundiais e três em Jogos Pan-Americanos. Ela havia sido indicada ao prêmio em 2013, 2014, 2015 e 2016, mas tinha sido superada em todas essas oportunidades.

Na votação, a colombiana superou a queniana Beatrice Chepkoech, que bateu o recorde mundial dos 3.000 metros com obstáculos; a britânica Dina Asher-Smith, que se destacou nos 100m, 200m e no revezamento 4x100m; Shaunae Miller-Uibo, de Bahamas, principal nome dos 400m ao longo da temporada; e a belga Nafissatou Thiam, destaque do heptatlo na atualidade, invicta em 2018 e que havia sido premiada no ano passado.
copyright guarulhosweb

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário