Guarulhosweb
Guarulhosweb

Guti cria força-tarefa para resolver afundamento no Santa Emilia; 30 mil ficam sem água

Redação Guarulhosweb    06/02/2019 16:27

 

O asfalto cedeu na Rua Berlamínio Antônio Garcia, no Jardim Santa Emília, na tarde desta quarta-feira, 6/02. Imagens que circulam na internet mostram uma grande erosão e o asfalto bastante afundado, com rachaduras. O incidente ocasionou a interrupção do fornecimento de água na região desde as 15h, afetando cerca de 30 mil pessoas, segundo a Sabesp. O prefeito Guti criou uma força-tarefa para atuar no local e garantir que as primeiras medidas de isolamento da área fossem realizadas.
 
Equipes da Defesa Civil, Sabesp e da EDP estão no local para avaliar a situação. A Guarda Civil Municipal permanecerá no local e a Secretaria de Transportes e Mobilidade Urbana manterá os desvios no trânsito na região. A EDP informou que está realizando o trabalho de isolamento do poste atingido pelo afundamento do asfalto e remanejando a rede elétrica local. Os moradores da região do incidente ficarão com o fornecimento de energia interrompido até a finalização do trabalho.
 
Ainda não é possível avaliar as causas do incidente.
 
Obras emergenciais no local devem começar já nesta quinta-feira, 7, na medida em que a chuva que atinge a cidade desde a madrugada cesse.
 
Chuvas de quarta
A Defesa Civil recebeu 12 ocorrências nesta quarta-feira, em diversos bairros, entre eles: Santa Edwirges, Santa Emília, Pimentas, Vila Any, Parque Jandaia. Jardim dos Cardosos, Jardim Cumbica e Nova Cidade.
 
O maior índice de chuvas foi registrado na região central. Pontos de alagamento foram registrados no Parque Primavera e na Vila Any. Uma árvore caiu no Parque Cecap.
 
Segundo a Defesa Civil Estadual, há previsão de mais chuvas fortes em Guarulhos e Grande SP nas próximas horas.

 

 

copyright guarulhosweb

 

 

Insira seu comentário

Todos os comentários e opiniões expressas são de inteira responsabilidade dos autores.

Comentários:

  1. Renato Martos Andretta 07/02/2019 00:45

    A história se repete

    A 25 anos atrás neste mesmo local este muro de arrimo caiu devido solapamento.Foram duas tentativas de conserto tendo a primeira desbarrancado ao término da obra. Obra de grande porte e risco se assemelha as interdições de viadutos de São Paulo.

Insira um comentário