Guarulhosweb
Guarulhosweb

China quer muito discutir o futuro e nós também, diz Trump

Gabriel Bueno da Costa    18/06/2019 17:36

 


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que a China "quer muito" discutir o futuro da relação bilateral com os Estados Unidos. Em declarações antes de viajar à Flórida, Trump voltou a dizer que Pequim deseja fechar um acordo comercial com os americanos e também a elogiar a boa relação que mantém com o presidente chinês, Xi Jinping.

Mais cedo, Trump confirmou que pretende se reunir com Xi durante a cúpula do G-20, no fim do mês no Japão.

O presidente foi algo evasivo sobre outras questões. Sobre o Irã, por exemplo, disse "vamos ver o que acontece", após Teerã ameaçar abandonar o acordo nuclear com potências globais, descontente com as sanções americanas. Os EUA já abandonaram esse acordo e impuseram sanções contra produtos iranianos, dificultando as exportações de petróleo do país.

BC - Trump foi questionado também sobre a possibilidade de o presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central americano), Jerome Powell, deixar o posto. "Vamos ver o que ele vai fazer", disse apenas o líder americano, antes de embarcar para discurso na Flórida.

Trump e outros integrantes de seu governo têm em alguns momentos questionado a postura do Fed, com o argumento de que o banco central não ajuda a economia americana e inclusive atrapalhou o cenário em meses recentes, com seu processo de elevação gradual dos juros.

De tempos em tempos, o presidente tem reclamado dos juros altos. Segundo a imprensa americana, a Casa Branca teria ventilado a hipótese de tirar Powell do cargo. Não está claro, contudo, se Trump teria poder para isso, já que o presidente do Fed tem mandato determinado.
copyright guarulhosweb

 

 

Insira seu comentário

Seja o Primeiro a comentar esta noticia

Insira um comentário