WR-V, o SUV compacto da Honda adquire personalidade própria

Ernesto Zanon - Especial para o GuarulhosWeb / Fotos Danilo Sanches - 27/05/2019 18:57

autos01 de Guarulhosweb
Lançando em 2017 como SUV compacto, o Honda WR-V demorou um pouco para descolar sua imagem do irmão Fit, do qual deriva e é bastante próximo. Desde que chegou ao mercado, mudou pouco. Apenas ganhou alguns itens de série a mais, mantendo-se como uma opção abaixo do HR-V, este sim desenvolvido como utilitário esportivo, porém com preço mais próximo dos R$ 100 mil.  
 
O HR-V parte dos R$ 82 mil na versão EX, que é de entrada, porém de alto padrão, ficando abaixo da top EL-X, quase R$ 90 mil. O GuarulhosWeb avaliou durante uma semana o primeiro, que apresenta um bom nível de equipamentos de série, praticamente completo, sem apenas o banco de couro e os retrovisores retráteis.  
 
Vem com ar-condicionado digital, função one-touch para abertura e fechamento dos vidros elétricos dianteiros, central multimídia de sete polegadas compatível com Apple CarPlay e Android Auto para espelhamento de aplicativos de música e navegação, sistema multimídia com função de reconhecimento de voz.  
 
A versão EX tem ainda câmera de ré, faróis com luzes de rodagem diurna e indicadoras de direção em LED, faróis de neblina, grade frontal cromada com acabamento piano black, rodas de liga leve de 16 polegadas, banco do motorista com regulagem de altura, encosto de cabeça e vidros elétricos para todos os ocupantes, iluminação interna dianteira individual e central, iluminação interna do porta-malas, controle de cruzeiro, tomada 12 V e volante multifuncional com revestimento em couro. 
 
O espaço interno agrada. Tanto motorista e passageiro do banco dianteiro como os até três que vão no traseiro viajam com bastante conforto. Até pessoas de maior estatura saem satisfeito com o espaço para as pernas, por exemplo.  
 
Com motor 1.5 flex de 116 cv e 15,3 kgfm de torque a 4.800 rpm, tem um ótimo desemprenho no trânsito urbano. Característica marcante que acompanha o Fit há anos, o câmbio automático CVT garante trocas tranquilas, sem solavancos, permitindo uma performance agradável.  Faz entre 6 e 7 km/l de etanol na cidade, nada demais, porém compatível com outros modelos que concorrem diretamente com ele.  
 
O preço final do WR-V, assim como outros carros da Honda, pode ser o principal ponto negativo do modelo, já que com os mesmos R$ 82 mil é possível adquirir alguns modelos um pouco maiores da concorrência. Mesmo assim, pelo pacote que oferece, é sim um carro para ser levado em consideração na hora da compra.  
 
As diferenças em relação ao FIT estão em relação à altura do solo, já que o WR-V se apresenta mais alto, na dianteira – bem mais agressiva, como deve ser um SUV – e na traseira, onde o que muda é a extensão da lanterna, que é vertical no Fit e horizontal, projetando-se para o centro do porta-malas, no WR-V. Há também rodas de 16 polegadas, molduras dos para-lamas e rack no teto. Ou seja, herda todas as qualidades do irmão, com a vantagem de ser mais alto e imponente.  
 
A frente do WR-V é elevada, marcante e com grade frontal com acabamento em black piano que evoca a linha de SUV da Honda. Traz ainda faróis com luzes de uso diurno (DRL) em LED, além dos projetores de neblina que são de série em ambas as configurações. 
 
Com de 2,55 m de entre-eixos, 4 m de comprimento, 1,73 m de largura e 1,6 m de altura, o WR-V traz medidas compactas que o tornam ágil de condução em grandes centros urbanos. Os 20,7 cm de vão livre do solo e os ângulos de ataque e saída de 21º e 33º, garantem boa dinâmica, mesmo em pisos mais irregulares. 
 
 
O que o Honda WR-V EX oferece de série: 
 
Multimídia de 7” com interface para Apple Carplay® e Android Auto™, 
Bluetooth, 
Câmera de marcha à ré, 
Ar condicionado digital full touchscreen, 
Porta malas com capacidade para 363 litros, 
Painel com computador de bordo multifunções, 
Piloto Automático, 
Direção elétrica progressiva, 
Chave tipo canivete, 
Airbags frontais e laterais, 
Camera de ré, 
Sistema isofix para cadeirinhas infantis, 
Roda liga leve aro 16”, 
Grade frontal acabamento black piano, 
Luzes de LED. 

Seja o primeiro a comentar esta notícia.


Participe! comente esta notícia
informe o seu nome.
@
por favor um e-mail válido
T

Veja Também

Hyundai Creta Prestige, o SUV top de linha da família tenta se impor entre os SUVs médios

O Hyundai Creta não tem vida fácil. Além da difícil missão de disputar espaço entre os SUVs médios de...

15/11/2019 10:48
Com visual renovado, Renault Sandero Zen 1.6 é boa opção entre os compactos

A Renault, que se consolida como um dos quatro maiores fabricantes presentes no país, desbancando de forma consistente a Ford, segue...

09/11/2019 15:53
Chevrolet Trailblazer Premier, um verdadeiro monstro de alto luxo e conforto

Um verdadeiro monstro (no bom sentido). Assim pode ser definido o Chevrolet Trailblazer que, na linha 2020, passa a ser oferecido apenas na...

03/11/2019 10:55

Últimas Notícias

Cidades

CPTM reduz intervalos neste feriado da Consciência Negra

Nesta quarta-feira, 20/11, feriado da Consciência Negra na capital paulista e em alguns municípios, a CPTM vai operar com intervalos...

19/11/2019 19:00

Cidades

Especialista Helena Sato explica porque as pessoas se vacinam menos e faz alerta

Nesta terça-feira, 19/11, dia em que Guarulhos inicia a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo para...

19/11/2019 18:29

Cidades

Campanha 16 Dias de Ativismo é aberta em evento no Paço Municipal

A campanha 16 dias de Ativismo foi aberta na manhã desta terça-feira, 19/11, no auditório do Paço Municipal, no Jardim Bom...

19/11/2019 18:09