Quinta Feira, 04 de Junho de 2020
(11) 94702-3664 Whatsapp

Justiça pede deportação de médico peruano preso em Guarulhos acusado por estupro

Por Redação GuarulhosWeb

07 de Junho de 2019

O Ministério Público apresentou uma denúncia contra o médico peruano Fred Chahuaylla Palomino, que foi preso em um hospital de Guarulhos, no último dia 29 de maio, após ser acusado pelo estupro de uma jovem de 18 anos na Capital. O crime teria ocorrido no dia 5 de maio, por volta das 19h, na região do Butantã, zona oeste de São Paulo. 
 
Na denúncia apresentada pela promotora de Justiça Celeste Leite dos Santos, na última quarta-feira, 5/06, o Ministério Público pede a condenação do médico peruano, além da fixação dos danos morais e materiais causados à vítima e a expulsão de Palomino do Brasil após o cumprimento integral da pena imposta.
 
Peruano continua preso
Depois de ser detido pela equipe da 51ª DP Butantã, liderada pelo delegado Lupércio Dimov, o médico ficaria preso, a princípio, por cinco dias. No entanto, agora, ele aguarda a audiência, que ainda não tem data definida para ocorrer, em regime de prisão preventiva.